Contact Us × +
Nama

Email Address*

Pesan*


Hiperventilação – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos

Hiperventilação – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos

Hiperventilação – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos


Hiperventilação – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos desta condição. Além disso, a Hiperventilação é uma condição em que você respira muito rápido ou profundamente. Normalmente, a Hiperventilação ocorre com ansiedade. O excesso de temperatura pode causar desequilíbrios nos níveis de oxigênio e dióxido de carbono em seu sangue. Esses desequilíbrios podem fazer você se sentir ofegante, tonto, leve, confuso ou fraco.



Para algumas pessoas, a Hiperventilação é rara. Isso ocorre apenas como uma resposta ocasional e em pânico ao medo, ao estresse ou a uma fobia. Para outros, esta condição ocorre como uma resposta a estados emocionais, como depressão , ansiedade ou raiva . Quando a Hiperventilação é uma
ocorrência freqüente, é conhecida como síndrome de Hiperventilação. Leia Também ↓↓: setaComo Eliminar a Candidíase SEM Remédios ou Cremes... setaSofre com ESTRIAS? Elimine às de Forma 100% Natural, AGORA! setaMulheres de São Paulo Estão Emagrecendo Rapidamente, VEJA COMO! setaComo ter Ereções 3X Mais POTENTES sem Medicações, de forma 100% Natural... setaSofre de Calvície? Eis a Solução Definitiva... A Hiperventilação também é conhecida como: Respiração profunda rápida (ou rápida); Sobre respiração; Taxa respiratória (ou respiração) – rápida e profunda. Causas da Hiperventilação: Existem muitos fatores que podem levar à Hiperventilação. Esta condição mais comumente resulta de ansiedade, pânico, nervosismo ou estresse. Muitas vezes, assume a forma de um ataque de pânico. Outras causas incluem: Sangramentos; Uso de estimulantes; Overdose de drogas ( overdose de aspirina, por exemplo); Dor forte; Gravidez; Infecção nos pulmões; Doenças pulmonares, como doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) ou asma; Condições cardíacas, como um ataque cardíaco; Cetoacidose diabética (complicação de açúcar no sangue elevado em pessoas com diabetes tipo 1); Ferimentos na cabeça; Viagens para elevações acima de 6.000 pés; síndrome de Hiperventilação. Sintomas da Hiperventilação: Você já sabe que a respiração rápida é o sintoma primário. Além disso, você também pode sentir sentimentos de ansiedade, tonturas, formigamento ou dormência nos pés, mãos ou boca, e uma freqüência cardíaca irregular. Os sintomas tendem a durar entre 20-30 minutos e podem causar maior ansiedade durante um ataque. Outros sintomas incluem suspirar, bocejar e o que se chama de fumaça de ar, precisando respirar e sentir como se não pudesse obter ar suficiente em seus pulmões. Você também pode experimentar alguns outros sintomas que muitas pessoas não associam à Hiperventilação. Estes incluem dores de cabeça, inchaço, eructo, transpiração, visão turva, dificuldade em concentrar-se ou até mesmo desmaie-se. Prognóstico da Hiperventilação: O prognóstico geralmente é bom, mas dependerá da causa subjacente e comorbidade. A gestão de distúrbios associados (como a agorafobia) irá alterar o curso da Hiperventilação. Pacientes tratados com reciclagem respiratória, intervenções de redução do estresse e determinado tratamento medicamentoso parecem sofrer reduções significativas na freqüência e na gravidade das exacerbações. Tratamentos Para Hiperventilação: Uma vez que o médico tenha certeza de que o diagnóstico do paciente é síndrome de Hiperventilação e não algo mais grave, o médico providenciará cuidados de acompanhamento com um psiquiatra ou um médico de atenção primária. Esses médicos vão ensinar o paciente sobre a síndrome e quais técnicas podem ajudar a controlar os ataques. Leia Também ↓↓: setaVocê Quer EMAGRECER e PERDER BARRIGA de Forma Natural e Saudável? setaHomem Mostra como fez para REVERTER a Calvície em 30 dias! setaDisfunção Erétil? Acabe com a Disfunção Erétil e Impotência Naturalmente setaAtriz da Globo Revela Como Emagreceu 15kg em 4 Semanas e Faz Sucesso! setaSeu Marido RONCA? Acabe de VEZ com esse Método 100% Natural! Às vezes, geralmente depois de conversar com um médico comum, certos medicamentos podem ser prescritos. Se a condição do paciente piorar depois de visitar o serviço de emergência, ele ou ela deve retornar para verificar novamente.